6 de jan de 2014 | By: Nayara Ferreira

Ponha um tubarão no seu tanque...

Voltando as atividades normais do blog, admito que estava morrendo de saudade de escrever!
Tenho várias novidades para vocês nos próximos dias, vamos que vamos que o ano começou!

Segunda, começo de semana, de mês, de ano.. E uma reflexão, que tal?

Ponha um tubarão no seu tanque e veja o quão longe consegue chegar!


Os japoneses sempre adoraram peixe fresco, porém as águas perto do Japão não produzem muitos peixes há décadas. Assim, para alimentar a sua população, os japoneses aumentaram o tamanho dos navios pesqueiros e começaram a pescar mais longe do que nunca. Quanto mais longe os pescadores iam, mais tempo levava para o peixe chegar. Se a viagem de volta levasse mais do que alguns dias, o peixe já não era mais fresco. E os japoneses não gostaram do gosto desses peixes. 
Para resolver este problema as empresas de pesca instalaram congeladores em seus barcos. Eles pescavam e congelavam os peixes em alto mar. Os congeladores permitiam que os pesqueiros fossem mais longe e ficassem em alto mar por muito mais tempo. Entretanto, os japoneses conseguiram notar a diferença entre o peixe fresco e o peixe congelado, e é claro, eles não gostam de peixe congelado. 
Entretanto, o peixe congelado tornou os preços mais baixos. Então, as empresas de pesca instalaram tanques de peixes nos navios pesqueiros. Eles podem pescar e enfiar os peixes no tanque, “como sardinhas”. Depois de certo tempo, pela falta de espaço, eles paravam de se debater e não se moviam mais. Eles chegavam cansados e abatidos, porém vivos. Infelizmente, os japoneses ainda podiam notar a diferença do gosto. Por não se mexer por dias, os peixes perdiam o gosto de frescor. 
Os japoneses preferiam o gosto de peixe fresco e não o gosto de peixe apático. Então, como os japoneses resolveram este problema? Como eles conseguiram trazer ao Japão peixes com gosto de puro frescor? Se você estivesse dando consultoria para uma empresa de pesca, o que você recomendaria? 
Quando as pessoas atingem seus objetivos, tais como, quando encontram um namorado maravilhoso, começam com sucesso numa empresa nova, pagam todas as suas dívidas ou o quer que seja, elas podem 
perder as suas paixões. Elas podem começar a pensar que não precisam mais trabalhar tanto, então relaxam.
Elas passam pelo mesmo problema que os ganhadores de loteria que gastam todo o seu dinheiro, o mesmo problema de herdeiros que nunca crescem e de donas de casa entediadas, que ficam dependentes de remédios de tarja preta. Para estes problemas, inclusive no caso dos peixes dos japoneses, a solução é bem simples. 
L. Ron Hubbard observou no começo dos anos 50: “O homem progride, estranhamente, somente perante um ambiente desafiador.” Quanto mais inteligente, persistente e competitivo você é, mais você gosta de um bom problema. Se seus desafios estão de um tamanho correto e você consegue, passo a passo, conquistar estes desafios, você fica muito feliz. Você pensa em seus desafios e se sente com mais energia, você fica excitado em tentar novas soluções, você se diverte, você fica vivo!
Para conservar o gosto do peixe fresco, as empresas de pesca japonesas ainda colocam os peixes dentro do tanque. Mas, eles também adicionam um pequeno tubarão em cada tanque.O tubarão come alguns peixes, mas a maioria dos peixes chegam “muito vivos.” Os peixes são desafiados. 
Portanto, ao invés de evitar desafios, pule dentro deles. Massacre-os. Curta o jogo. Se seus desafios são muito grandes e numerosos, não desista. 
Se organize! Busque mais determinação, mais conhecimento e mais ajuda. Se você alcançou seus objetivos, coloque objetivos maiores. Uma vez que suas necessidades familiares foram atingidas, vá de encontro aos objetivos de seu grupo, da sociedade e até mesmo da humanidade. Crie seu sucesso pessoal e não se acomode nele. 
Você tem recursos, habilidades e destreza para fazer a diferença. “Então, ponha um tubarão em seu tanque e veja o quão longe você pode chegar.”
(Texto usado no MBA de Celito Medeiros nos EUA, texto original L. Ron Hubbard)

Créditos da imagem: Daniel Botelho
Boa semana gente! Beijooos!

16 comentários:

Gabriela Azevedo disse...

Olá!
Gostei do seu texto, você escreve muito bem! Parabéns! Ficou um pouco extenso mais li tudo haha Adorei a "lição de moral" do final, na verdade é um incentivo não é mesmo? "Você tem recursos, habilidades e destreza para fazer a diferença. Então, ponha um tubarão em seu tanque e veja o quão longe você pode chegar.”
E realmente nós temos capacidade suficiente para nos realizarmos desde que tenhamos dedicação.
Beijinhos!
http://adolescentedefases.wordpress.com/

Nayara Ferreira disse...

Obrigada Gabi, que bom que gostou!
Sim, é tipo um "esta na hora de acordar". Todos somos capazes, precisamos apenas nos dedicar e correr atras daquilo que queremos!

Beijooo!

Joana Arêde Cotovio Make Up disse...

É pá eu adorei esta analogia, digamos que se aplica em imensas coisas da nossa vida, quer queiramos quer nao.

Comer Gostar Indicar CGI disse...

Excelente!
Tudo o que eu precisava ler hoje!
Digamos que acordei hoje me sentindo um peixe apático...rs
Hora de jogar um tubarão na minha vida e me mexer novamente!
Grata por compartilhar esses ensinamentos!
Bjs

Doce Makes da Fraan disse...

Nossa que lindo, adorei!

http://docemakesfraan.blogspot.com/

Ariane Galli disse...

Taí gostei do texto e vou deixar que o meu tubarão tomar conta de algumas coisitas este ano, obrigado, bjo

Nayara Ferreira disse...

Fico feliz que tenham gostado meninas, espero que as ajude de alguma forma! É tempo de mudanças, de tubarões em nossas vidas!

Beijooos!

Maria Ulhôa disse...

Uau, precisava disso hj, motivação, lute, pois posso tudo, obrigada!

Beijos!

Danilla Neves disse...

Adorei o texto, e é isso mesmo sempre podemos ir bem mas além do que imaginamos beijos
www.intencaofeminina.com.br

Laine disse...

Nossa amei o texto...sabe quando lemos algo que cai como uma luva kkkk pois bem esse texto foi assim.

bjokas

Blog Pronta Pra Brilhar Make Up

Núbia disse...

Nunca fui de me acomodar, sempre corri atras, estou sempre em meios a a pequenos e grandes desafios, mas sempre tento manter a cabeça erguida, porque sei que depois deste, vem o outro.

Kae Glatt disse...

Interesante a ideia!
bjos

www.perversastyle.blogspot.com

Nayara Ferreira disse...

Sempre precisamos de algo que nos de força pra continuarmos lutando, pois sempre podemos conseguir mais e mais! Fico feliz que tenham gostado!

Beijoos!

Jac Tequilla disse...

Um super post para um começo de ano. Parabéns bjs

Nayara Ferreira disse...

Pois é Jac :D
Beijoo!

Celito Medeiros disse...

De fato o texto é de Celito Medeiros, a respeito de como agiu o comandante L. Ron Hubbard de uma corveta americana na 2a. Guerra Mundial.
http://www.sosprofessor.com.br/blog/tubaraonotanque/

Postar um comentário